Olhe bem para a imagem que abre esse post. Eu sei, ela ~parece~ photoshopada, mas não é esse o ponto, olhe novamente. O que você vê ali que destoa do lugar comum? O que lhe chama a atenção?

A foto em questão, que em hipotese alguma sofreu qualquer tipo de adulteração digital, é do pódio do Grande Prêmio Brasil de Formula 1 (tecnicamente “Fórmula 1 Grande Prêmio Heineken do Brasil 2019”) em que os três primeiros colocados foram respectivamente Max Verstappen pela Red Bull, Pierre Gasly pela Toro Rosso e Carlos Sainz pela McLaren (longa história).

Hannah, Max e Gasly no pódio

Como em todo pódio, um engenheiro da equipe do primeiro colocado vai ao pódio representando a escuderia no campeonato de construtores, se não sabia ficou sabendo agora.

Aqui o pódio em vídeo com a inserção via CG do Hamilton na celebração:

Nesse pódio em particular quem estava representando a Red Bull era Hannah Schmitz, anteriormente conhecida como Hannah Macmillan*, engenheira de estratégia senior da equipe.

Aqui entra a curiosidade e motor (heh) da existência desse post: Em uma situação “normalizada” dos dias atuais Hannah estaria lá para pregar que mulheres podem sim alcançar aquela posição (verdade) em um esporte historicamente masculino (verdade) e também historicamente hostil à presenção feminina (não tenho provas, mas acredito). Em uma ação de marketing ela estaria lá mais para chamar a atenção e “causar” do que qualquer outra coisa.

Mas a Hannah? Não, a Hannah não. Ela está lá porque lá é o lugar dela. Simples assim.

Melhor ainda: Dizer que ela está lá ~apenas~ por ser seu lugar de direito seria um demérito, de acordo com Christian Horner (que por acaso é o Chefe da Equipe) ela foi a responsável pela vitória do Max nesse GP. Não é pouca coisa não.

Algumas outras informações interessantes:
– Está na Redbull Racing já tem 10 anos e 1 mês :)
– Voltou recentemente de licença maternidade.
– Participou dessa campanha da Redbull ainda com o nome “Macmillan”:

(entendeu o * no começo do texto?)

E por ultimo, mas não menos importante, de alguma forma ela é uma conexão de terceiro grau minha no LinkedIn *thinking emoji*

Hannah no LinkedIn

Parabéns, Hannah.
Por mostrar que lugar de mulher é onde ela quiser.
E por levar o Max ao posto máximo no pódio :)